Ángela Morgan

Belíssima ilustração do meu cabeçalho é da ilustradora - Ángela Morgan

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

É primavera...


"É primavera... Não há como ignorar que dentre as quatro estações, essa é a que mais nos traz inspiração. Ela representa a renovação da vida, que ocorre logo após as baixas temperaturas do inverno. A primavera com suas flores exuberantes e seu colorido ímpar, sempre nos inspira à esperança.

Hoje, quando celebramos o início da primavera, lembramos também de um dos mais belos trechos do sermão do monte: "Olhai as aves do céu... Olhai os lírios do campo". É um convite de Jesus. Precioso convite acompanhado de lições preciosas.

Bom seria se nos permitíssemos sempre que Deus trabalhasse em nós e especialmente em nosso olhar, para que pudéssemos naturalmente contemplar a beleza de suas obras."
Espero que essa reflexão primaveril nos inspire a viver nesse mundo com uma perspectiva diferenciada e com um olhar diferente. Que a chegada da estação das flores se apresente a nós como uma oportunidade de recomeço, de esperança, de alegria e de fé.
 FELIZ PRIMAVERA!

Do livro “Entre o Púlpito e a Universidade”
 – Carlos Eduardo Calvani



Amara Mourige

terça-feira, 13 de setembro de 2016

Delicadeza


“Delicadeza é aquilo que nos alcança sem nos tocar. É a melodia que nos embala mesmo em silêncio. É quando a boca empresta um sorriso aos olhos sem que nenhuma cobrança seja feita e os sentidos se misturam sem que ninguém dispute o melhor espaço. Delicadeza é ter pensamentos e atitudes em harmonia. É atingir o outro sem que ninguém saia machucado. É quando você é seduzido por algo que vem de dentro e dividir ajuda a somar!”

(Fernanda Ganoa)


Amara Mourige

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Que as palavras do dia sejam, leveza,doçura, calmaria, tranquilidade.


"Eu só vim lhe desejar um dia lindo.
Com flores pelos caminhos que você percorrer.
Com gente feliz ao seu redor.
Com chuvas de sorrisos e de olhares que vem da alma.
Não importa se grandes notícias não virão hoje.
Que também não venham as más.
Que seu dia seja de paz.
Que você esteja em paz.
E que você olhe os problemas de cima, e as pessoas que você convive, com olho no olho.
Que as palavras do dia sejam ,leveza, doçura, calmaria, tranquilidade.
E que suas próximas horas sejam carregadas de pensamentos positivos e muita paz no coração.
Só vim te desejar um ótimo dia.
Colorido e florido."

Amém.

Caio Fernando Abreu

Amara Mourige

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Mɑis mãos dɑdɑs e menos individuɑlidɑde.

Acho que é isso que fɑltɑ nɑ vidɑ dɑ gente: mɑis pɑlɑvrɑs bonitɑs e menos cɑrɑ feiɑ.
Mɑis olhɑres sinceros e menos grosseriɑ. 
Mɑis sorrisos cúmplices e menos pɑlɑvrɑs durɑs.
Mɑis educɑção e menos pressɑ. 
Mɑis respeito e menos julgɑmento.
.Mɑis humɑnidɑde e menos fɑltɑ de respeito. 
Mɑis doɑção e menos egoísmo.
Mɑis mãos dɑdɑs e menos individuɑlidɑde.

Clɑrissɑ Côrreɑ

Amara Mourige

sábado, 3 de setembro de 2016

Assoprando as velinhas...meu niver!!

Hoje é meu aniversário!

"Ao assoprar as velas, a sensação é a de que o passado também se apaga e um presente totalmente novo é inaugurado. Sendo virgem da nova idade, é como se estivesse nascendo naquele específico dia com pequenas rugas e manchas surgidas subitamente, e não trazidas do antes. Como se estivesse vindo ao mundo na manhã do festejado dia com os quilos, as dores e os limites de um adulto recém-nascido e com uma expectativa de vida mais curta, sem nenhum registro do tempo transcorrido até ali, aquele tempo que sumiu.
Sumiu nada.

Você chegou a uma idade gloriosa, a idade de entender que não existe perda, só ganhos. Não existe envelhecimento, e sim desenvolvimento constante. O tempo não passa, ele está sempre conosco. O novo não ficou para trás, ao contrário, o novo está adiante: na vida que ainda está por vir."

(Martha Medeiros)

Minhas sugestões para presente

"AMOR: Bolinhas de sabão.
Som de copos com água.
O som das gotas de chuva
Um sorriso tímido.
A música por trás dos ruídos.
 Um coração encostado no outro .
Um ou dois para sempre.

Um avião nas mãos de um menino.

Um barquinho de papel.

Uma pipa atravessando as nuvens.
Uma sementeira de margaridas.
Um mingauzinho de aveia.
Um livro de poesia

Um par de meias listradas.

Dois ou três cata-ventos.


Uma palavra inventada."

E bolo para vocês!!

Amara Mourige